A falta de gerenciamento adequado de resíduos sólidos impacta o meio ambiente

É necessário falar do regulamento que rege os resíduos sólidos, a Lei 12.305/2010, Política Nacional de Resíduos Sólidos. Essa lei estabelece as diretrizes para a correta destinação dos resíduos e, também, sobre a destinação e coleta pelos órgãos públicos, encaminhando para a coleta seletiva e aterros sanitários.

No Brasil cerca de 42% dos resíduos sólidos tem destinação final inadequada, evidenciando assim que o país ainda tem muito que caminhar para a melhoria da questão dos resíduos. Portanto, é crescente a preocupação referente a má gestão dos resíduos sólidos por parte das empresas. Uma das maiores causas dessa questão se deve ao fato dos consumidores estarem mais exigentes quanto aos produtos ecologicamente corretores, ou seja, que degradam menos o meio ambiente. Não apenas o público, como também a legislação ambiental, que tem sido cada vez mais rigorosa às organizações.

Uma empresa que apresenta uma boa gestão ambiental tem maior potencial competitivo, além de alinhar a lucratividade e a proteção ambiental no mesmo sentido.

O gerenciamento incorreto dos resíduos de uma empresa pode contaminar o meio ambiente, trazendo impactos para um grande grupo de pessoas. Na verdade a má gestão dos resíduos pode agir negativamente na saúde de todos, mesmo que seja no bairro, na rua ou na empresa.

É importante saber que os resíduos estando bem alocados e geridos, contribuirá para a preservação do meio ambiente, evitando assim os impactos socioambientais e à saúde pública, pois se forem mal geridos, causam poluição visual, poluição do solo, do ar e do lençol freático.

Além disso, o não cumprimento da lei da Política Nacional de Resíduos Sólidos pode gerar multa. Por isso, a Inovar Ambiental oferece o gerenciamento correto de diversos resíduos, inclusive o sólido, desde a coleta até a destinação. Após o tratamento final de cada um deles, é emitido um certificado que atesta as práticas ambientalmente corretas de destinação que foram adotadas pelo gerador para que esteja de acordo com suas obrigações legais, junto aos órgãos ambientais competentes. Desta forma, contribuindo para a minimização dos impactos na natureza.

× Fale com a Inovar