Anualmente, lixões liberam 6 milhões de toneladas de gás de efeito estufa

A má destinação de resíduos gera, entre outras coisas, a produção de gases de efeito estufa. De acordo com levantamento realizado pelo Departamento de Economia do Sindicato Nacional das Empresas de Limpeza Urbana (Selurb), somente no Brasil, os lixões são responsáveis pela produção de cerca de 6 milhões de toneladas da substância por ano.

Leia também: Conheça os gases responsáveis pela poluição atmosférica

O número é considerado altíssimo e equivale ao volume de gás gerado anualmente por 3 milhões de carros movidos a gasolina. Segundo a pesquisa, a emissão se deve não somente pelo descarte ilegal em lixões, mas também ao fato de muitos resíduos que ali se encontram serem incinerados de maneira irregular.

Emissão de gás de efeito estufa resulta em sérios problemas ambientais

gás de efeito estufa

Os resíduos também emitem gases de efeito estufa por conta da decomposição, um processo que pode durar até 30 anos até que a substância seja emitida completamente. A emissão resulta em problemas ambientais, sendo o principal deles, o aquecimento global. As complicações disso não se refletem apenas no aumento da temperatura, mas também na desertificação de diversos ambientes, alteração do regime de chuvas, intensificação de secas e escassez de água.

Leia também: Gerenciamento de resíduos sólidos industriais é um ato de respeito ao meio ambiente

A Inovar Ambiental

A Inovar Ambiental acredita que o correto gerenciamento de resíduos não deve levar em conta apenas os acidentes decorrentes dos efeitos imediatos. Riscos com efeitos de longo prazo também devem ser igualmente considerados nesse trabalho, assim como uma coleta periódica e a observância do grau de toxicidade de cada tipo de substância.

Localizada na cidade de Santa Luzia em Minas Gerais, a Inovar Ambiental tem a sustentabilidade como seu norte. Destinar um resíduo de forma correta é, acima de tudo, um ato de amor ao meio ambiente, à saúde pública e às próximas gerações. Confira mais sobre a Inovar Ambiental visitando o site e Facebook.

× Fale com a Inovar